Obra na subestação de Rio Largo vai beneficiar cerca de 150 mil pessoas em 18 cidades
Com investimento de mais de R$ 2,5 milhões, além de renovar a subestação, Equatorial está duplicando a Linha de Distribuição que atende ao município
POR Laíse Teixeira
21/01/2021 às 17:46:50
Obra na subestação de Rio Largo vai beneficiar cerca de 150 mil pessoas em 18 cidades

Levar energia de qualidade a todos os alagoanos. Essa tem sido a missão da Equatorial Energia Alagoas desde quando assumiu a concessão do estado em 2019. Para atingir esse objetivo, a empresa preparou um plano robusto e tem investido em obras, manutenção e renovação do sistema elétrico, construindo novas subestações e fazendo a troca de componentes da rede elétrica do litoral ao sertão.

Entre os empreendimentos contemplados no biênio 2020/2021 está renovação da subestação de Rio Largo e a duplicação da Linha de Distribuição que interliga a subestação da distribuidora com a unidade da Chesf do município. Com investimento de mais de R$ 2,5 milhões, cerca de 150 mil pessoas em 18 municípios serão beneficiadas com melhorias na rede elétrica. O conjunto de obras teve início em setembro de 2020 e a conclusão dos serviços está prevista para março deste ano.

As ações que estão sendo realizadas em Rio Largo têm o objetivo de atender a demanda reprimida, aumentando a capacidade do sistema, melhorando a qualidade do fornecimento de energia elétrica. As melhorias vão dar mais confiabilidade e também possibilitarão a instalação de novos empreendimentos, contribuindo para o fortalecimento do desenvolvimento econômicos da cidade e dos municípios adjacentes.

“Além de ampliar a capacidade do sistema elétrico com a renovação da subestação de Rio Largo, com a construção da nova Linha de Distribuição, teremos uma nova alternativa de atendimento, proporcionando um fornecimento mais confiável e com maior disponibilidade para seis subestações da região”, explica o Líder de Obras da Equatorial, Felipe Paiva.

Confira abaixo a relação de municípios que serão beneficiados com a conclusão da obra:

Atalaia, Barra de São Miguel, Boca da Mata, Branquinha, Cajueiro, Campo Alegre, Capela, Coruripe, Jequiá da Praia, Junqueiro, Maceió, Messias, Murici, Pilar, Rio Largo, Roteiro, São Miguel dos Campos e Teotônio Vilela.

Fonte: Ascom Equatorial AL